Ensaio:

O Anjo Melancólico, editora Angelus Novus, Coimbra, 2002.

Poesia:

Abrirás a Noite com um Sulco, editora Hughins, Lisboa, 2001.

Sílabas de Água, editora Ver-o-Verso, Porto, 2006.

O Traço do Anjo, editor Edium, Porto, 2011

Do Ínfimo, editora Coisas de Ler, Lisboa, 2016 (galardoado com o Prémio Glória de Sant’Anna 2017)

Ficção:

A Garça, editora Diferença, Leiria, 2001

Caligrafia da Solidão, editora Escrituras, S. Paulo (Brasil), 2006 (nomeado finalista do Prémio Telecom 2007).

Contos de Solidão, editor Ver-o-Verso, Porto, 2006.

Literatura Infantil:

A História do Palhaço Bonifácio, editora Ver-o-Verso, 2007.

Os Sete Irmãos, editora Ver-o-Verso, Porto, 2008

Ensaios Co-editados:

Reconhecimento e Hospitalidade, Lisboa, Edições 70, 2011 (co-editado por Maria João Cantinho, Maria Lucília Marcos, Paulo Barcelos).

Paul Celan: Da Ética do Silêncio à Poética do Encontro, Lisboa, Edições Centro de Filosofia, 2015 (co-editado por Cristina Beckert, Maria João Cantinho, Carlos João Correia e Ricardo Gil Soeiro).

Sousa Dias, Pré-Apocalypse Now: Diálogo com Maria João Cantinho sobre Política, Estética e Filosofia, Editora Documenta, Lisboa, 2016.

Antologias de Poesia

Cintilações da Sombra II, Lisboa, Labirinto Editora, 2013 (Editada por Victor Oliveira Mateus).

La Alquimia del Fuego, Madrid, 2014.

70 Poemas para Adorno, Nova Delphi, Lisboa, 2015.