O erro repetido: o que falta perceber?

A imagem é eloquente. O plano já estava traçado em 2014. A evidência é gritante e não a ver é, no mínimo, cego da nossa parte. O caso da ascensão de Matteo Salvini é verdadeiramente sinistro e inquietante. O seu desempenho como ministro do Interior, prometendo fechar os portos italianos aos imigrantes, tem o acordo […]

Rate this:

Read More…

Carta a Lula

Exmº Sr. Ex-Presidente da República do Brasil Lula da Silva, Há homens que lutam um dia, e são bons; há outros que lutam muitos dias, e são muito bons; há homens que lutam muitos anos, e são melhores; mas há os que lutam toda a vida, esses são os imprescindíveis! Bertold Brecht Peço desculpa por […]

Rate this:

Read More…

Da técnica ao vazio da indiferença

O sonho do homem é a técnica, foi sempre a técnica, enquanto reflexo do domínio da natureza. Era nele que Nietzsche via esse «animal inacabado», que se completava pela racionalidade e pelo consequente domínio científico e da técnica. Hoje, que lugar ocupa ela na nossa sociedade e na nossa cultura? Terá contribuído para essa ideia de progresso, tão perseguida ao longo da história?

Rate this:

Read More…

Mais um passo para a ditadura: a execução de Marielle Franco

O dia 14 de Março de 2018, em que Marielle Franco foi executada no seu carro juntamente com o seu motorista, é um dia de vergonha para os seus algozes, por detrás de quem se escondem grandes interesses políticos, um dia de tristeza profunda para aqueles que viam na bela guerreira uma esperança para milhões de brasileiros sem voz nem existência, sujeitos à violência policial diária, sem que isso corresponda minimamente a uma resolução do problema da criminalidade do Brasil. A morte de Marielle é uma facada funda no coração da democracia, mais uma, que vem mostrar o verdadeiro rosto de quem governa hoje o Brasil, o qual caminha a largos passos para uma ditadura, perante a indiferença do mundo, não obstante a sua evidência.

Rate this:

Read More…

Um céu muito negro

A primeira semana do bufão Donald Trump, que transformou a Casa Branca num circo mediático, revelou-se pior do que imaginávamos. Nunca estive iludida acerca desta personagem histriónica, agora eleita por um povo que revela um profundo desespero e uma revolta muito bem direccionada contra as políticas anteriores. Nos meus piores pesadelos imaginei que uma parte […]

Rate this:

Read More…

Um novo contexto geopolítico. E nós?

A história não se repete ou, pelo menos não da mesma forma, mas existem factores, situações e conjunturas que configuram dinâmicas que se repetem, legitimadas por várias teorias e validadas pelo sufrágio popular. Quando Francis Fukuyama preconizava, na sua obra O Fim da História(1992), o advento de uma nova ordem social e política, muitas foram […]

Rate this:

Read More…

Da fidelidade à política

Nunca um líder político foi tão atacado, de todos os lados, apesar de ainda nem ter governado. A minha estupefacção vai aumentando, à medida que me confronto com os ataques dirigidos a António Costa, um líder que admiro cada vez mais, à medida que o tempo passa e resiste ao desgaste diário, com a obstinação […]

Rate this:

Read More…