Do nojo

A mudez transporta consigo a maior das eloquências. Creio que este é o estado de espírito que cresce entre nós, quando confrontados com a falta de meios (e muitas vezes de vontade) para resolver as situações. Assistimos diariamente a um massacre surdo (que nos chega através das imagens) e nem imagino o que é lidar […]

Rate this:

Read More…

A nova editora nascida das redes sociais

É de saudar este novo projecto que nasceu das redes sociais e que está a ser um sucesso: a E-Primatur. Com a edição de clássicos, para já, e com pretensão de vir a alargar o seu catálogo, à medida que o seu trabalho se consolidar, o projecto de Hugo Xavier, Pedro Bernardo e João Reis […]

Rate this:

Read More…

O Baile Final

Poderíamos chamar James Ensor ou um qualquer pintor do desencanto antes pintor, diria o outro, o do spleen, do que fotógrafo, esses idólatras do real.   E a noite das sombras, a do século que entrou a pique no optimismo da técnica que faremos dela senão cantá-la?   Withman ou Pessoa, Eliot, ou ainda a […]

Rate this:

Read More…

Em nome de quê?

Talvez muitos não tenham memória do que aconteceu nos anos 30/40, na Europa. Muitos de nós não éramos nascidos, mas a história foi contada e recontada, filmada, escrita, descrita, sob todas as formas possíveis. Não se trata agora apenas da devastação do nazismo, essa “entidade” que se alojou e cresceu insidiosamente ao longo da primeira […]

Rate this:

Read More…

Isto não é uma fotografia

Quando vi Aylan Kurdi o meu sangue congelou. Mas não havia nada a fazer. Estava ali um cadáver com uma camisola vermelha levantada e umas calças azuis. Não havia nada que pudesse fazer por ele. Sabia-o pela ausência de qualquer grito. Nilufer Demir As palavras são da fotógrafa que captou a imagem que iria comover […]

Rate this:

Read More…

Terra Incógnita

Para termos a certeza de que estamos num deserto informativo, basta-nos abrir a TV e o noticiário, em qualquer dos canais portugueses. Resta-nos a fuga para cadeias internacionais, onde uma certa seriedade nos está garantida e que não seja refém da silly season, com noticiários a dar destaque às temperaturas do Verão e às minudências […]

Rate this:

Read More…

A Besta

De que tempo somos, agora que a tempestade sopra de novo e ao céu sobe este monte de ruínas devastação anoitecendo o mundo   tenta lembrar-te de que lado veio um dia o alerta, de que armário saiu este cortejo de sombras onde se gravou o que a história deixou escapar, nas malhas do mito […]

Rate this:

Read More…

António Cabrita por José Riço Direitinho

Há nomes na literatura portuguesa que se mantêm, desde há vários anos, fora do roteiro dos encontros literários e dos pequenos e grandes festivais. Uns por vontade própria, outros por razões que se mantêm mais ou menos obscuras. José Riço Direitinho, in “Sondar no Escuro”, Público de 21/08/2015. Vejam o resto do artigo justo sobre […]

Rate this:

Read More…